Pelo encerramento da primeira fase do Campeonato Paranaense, Rio Branco e Maringá fizeram um famoso ‘jogo de compadres’ ontem à tarde, no Estádio Gigante do Itiberê, em Paranaguá, e empataram em 1×1. Resultado que serviu para os dois lados. O Leão da Estradinha confirmou sua classificação, e o Maringá terminou na metade de cima da tabela.

Mesmo com a classificação já garantida, o Zebra abriu o placar aos 18 minutos, quando Cristiano invadiu a área e chutou cruzado. O gol do Rio Branco saiu no fim da primeira etapa, em cobrança de pênalti convertido pelo atacante Jonatha Fumaça, artilheiro da equipe, com seis gols.

Josué Teixeira/Gazeta do Povo
Mesmo em casa, Operário não venceu o J. Malucelli.

Num segundo tempo de poucas emoções, equase sem riscos, as equipes apenas administraram o resultado. Já pelas quartas-de-final, no domingo, o Rio Branco recebe o Coritiba, enquanto o Maringá visita o Prudentópolis.

Jota avança

O J. Malucelli visitou ontem à tarde a equipe do Operário e com o empate em 1×1 conquistado no Estádio Germano Krüger, em Ponta Grossa, avançou à fase de mata-mata do Campeonato Paranaense. No fim da primeira etapa o atacante Baiano, de cabeça, deixou o Jotinha na frente, e Sandro, de pênalti, deu números finais à partida. Com 13 pontos e na antepenúltima colocação, o Fantasma disputará o Torneio da Morte, enquanto o Jota recebe no Ecoestádio o quarto colocado Londrina.