Rio de Janeiro – A contraprova do exame antidoping do cavalo Waterford Crystal, do cavaleiro irlandês Cian O?Connor, medalha de ouro na prova de saltos individuais nos Jogos Olímpicos de Atenas, também deu positivo. A Federação Eqüestre Internacional ainda não se pronunciou sobre o resultado da contraprova.

Assim, o brasileiro Rodrigo Pessoa, que havia conquistado a prata, deverá ser confirmado pelo Comitê Olímpico Internacional (COI) como o campeão olímpico da prova, fazendo com que o Brasil passe de quatro para cinco medalhas de ouro nos Jogos da Grécia.

A informação foi divulgada ontem pela rádio irlandesa RTE. O animal, montado pelo irlandês Cian O?Connor na prova de saltos, já havia sido flagrado no primeiro exame, com as substâncias proibidas flufenazina e zuclopentixol.

Com o resultado positivo para doping, e com outro ouro no quadro, o Brasil saltaria da 18.ª para a 16.ª posição, pois teria o mesmo número de ouro da Noruega, mais duas medalhas de prata contra nenhuma dos escandinavos.