O suíço Roger Federer derrotou neste domingo o chileno Fernando González por 7/5, 6/1 e 6/0, em 1h47min, e conquistou o máster séries de Madri, seu décimo título no ano.

Antes, o suíço já havia ganho os torneios de Doha, Indian Wells, Miami, Tóquio, Halle, Wimbledon e Toronto, e os Abertos da Austrália e dos EUA.

O saque foi a principal arma do número um do mundo para bater González, que disputava sua primeira final de um máster séries.

O jogador foi o segundo chileno a disputar a final de Madri, após Nicolás Massú em 2003 (derrotado pelo espanhol Juan Carlos Ferrero).

A conquista, a primeira de Federer em Madri, eleva a série consecutiva de vitórias do suíço para 19 partidas, além de ser sua 82.ª no ano. Ele é o primeiro tenista, desde Ivan Lendl em 1982, a conseguir 80 vitórias em dois anos seguidos.

Pela vitória o suíço ganhou 378 mil euros, enquanto González foi premiado com 189 mil euros.