A cidade de Roma foi selecionada nesta quarta-feira como candidata italiana para sediar os Jogos Olímpicos de 2020. Em uma decisão muito esperada, o Comitê Olímpico Italiano escolheu a capital em detrimento da cidade de Veneza, que foi eliminada antes da votação final por problemas no seu projeto.

A cidade de Roma sediou a Olimpíada de 1960 e foi derrotada por Atenas na definição da cidade que ia receber os Jogos de 2004. Agora, conta com um projeto com 42 instalações esportivas, sendo 33 já construídas, entre elas o Foro Itálico, utilizado em 1960, e o Estádio Olímpico, para vencer a disputa.

Outras candidaturas potenciais para 2020 devem ser da África do Sul (Durban, Johannesburgo ou Cidade do Cabo), Dubai, nos Emirados Árabes Unidos, Tóquio ou Hiroshima, pelo Japão, Istambul, na Turquia, e Budapeste, na Hungria. O Comitê Olímpico Internacional irá decidir a cidade que receberá a Olimpíada de 2020 em 2013.