São Paulo – O melhor jogador do mundo só quer saber de uma coisa: descansar. Ronaldinho Gaúcho chegou na madrugada de ontem ao Brasil para as curtas férias que vai ter do Barcelona e, no desembarque em São Paulo, fugiu da imprensa.

O jogador foi o único passageiro do vôo de Madri que não passou pelo portão de desembarque do Aeroporto de Cumbica, às 2h de ontem. Alegou cansaço e, de visual novo com trancinhas no cabelo , foi direto para uma sala vip. Esperou até às 4h30, hora em que embarcou para Porto Alegre, onde passará os próximos dias.

?Vou passar um tempo em casa e depois rever meu filho?, disse Ronaldinho à uma emissora de TV, já na capital gaúcha. ?Quero ficar com as pessoas que gosto depois de um ano maravilhoso?.

A intenção em descansar é tão grande que, em Cumbica, dois seguranças foram contratados por Ronaldinho para despistar a imprensa.

Denílson, atleta do Sevilla, estava no mesmo vôo de Madri, mas ele também pouco falou com o camisa 10 da seleção brasileira.

Ronaldinho não deve permanecer no Brasil por muito tempo. No dia 7, o Barcelona enfrenta o Espanyol, pelo campeonato nacional.

Adriano

Adriano deixou ontem o hospital em Milão, onde passou a noite internado após sofrer um desmaio durante o jogo da Inter, anteontem, pelo Campeonato Italiano. O atacante brasileiro levou uma forte pancada na cabeça, ao se chocar com o zagueiro Andrea Raggi, do Empoli, mas tudo não passou de um susto.

Após o desmaio, Adriano retomou a consciência ainda dentro de campo e mostrou estar passando bem. Mas os médicos da Inter preferiram levá-lo para o hospital e, por precaução, ele passou a noite internado.

Os exames médicos não apontaram nenhuma lesão ou trauma craniano.