Aposentado desde 2011, Ronaldo pode voltar aos campos vestindo a camisa do Fort Lauderdale Strikers, dos Estados Unidos, clube do qual o ex-jogador comprou parte das ações, tornando-se um dos donos. Em entrevista à revista americana Sports Illustrated, ele admitiu publicamente pela primeira vez a chance de voltar a jogar aos 38 anos.

“Eu vou tentar jogar alguns jogos. Neste ano eu quero treinar bastante, já que nos últimos três eu andei ocupado com outros compromissos”, revelou o ex-atacante, eleito o melhor jogador do mundo pela Fifa três vezes. O Fort Lauderdale Strikers disputará a North American Soccer League (NASL), liga de segundo escalão do Estados Unidos. “Talvez se chegarmos à final e eu me sentir bem, por que não? Irei inscrever meu nome na NASL como opção”, revelou o Fenômeno.

Ronaldo também falou sobre a experiência de ser um dos donos de uma equipe. “Eu não posso ser treinador, pois acho que é muito duro lidar com 30 jogadores que pensam de forma diferente. Eu acho que ser um dirigente é um bom caminho para mostrar a nossos jogadores como eu venci”, afirmou, apostando em sua experiência no futebol para motivar os atletas do Fort Lauderdale Strikers.

Desde que se aposentou dos campos, Ronaldo teve uma agenda cheia. Ele foi um dos membros do Comitê Organizador da Copa do Mundo de 2014 e também comentarista durante o torneio. Além disso, Ronaldo é dono de uma empresa de marketing, que administra a carreira de atletas de diversas modalidades. Agora, em seu novo desafio, Ronaldo se diz motivado para ajudar o futebol a crescer em terras americanas. “O Fort Lauderdale Strikers é um time com história e tradição. O futebol nos EUA está crescendo. E eu acho que é uma grande oportunidade.”

Como não poderia deixar de ser, as dúvidas recaem sobre sua forma física, caso ele realmente decida voltar a jogar. Quando se aposentou, em 2011, o jogador estava claramente muito longe da forma ideal e, à época, culpou o hipotireoidismo pelo sobrepeso. Porém, algum tempo depois ele conseguiu perder peso participando de um quadro de um programa de TV, que lhe ofereceu uma “premiação” para entrar em forma. Em fevereiro, Ronaldo completará quatro anos sem disputar uma partida oficial