No encerramento da segunda rodada do Grupo F do Mundial Feminino de Basquete, a Rússia derrotou a Coreia do Sul por 81 a 48, nesta terça-feira, na cidade de Brno, na República Checa. O resultado foi bom para o Brasil, que aparece na quarta colocação na chave e vê aumentar suas chances de classificação para as quartas de final do campeonato.

A rodada desta terça-feira foi perfeita para o Brasil. Para começar, a seleção brasileira conseguiu uma vitória dramática sobre o Japão, quando precisou da prorrogação para fazer 93 a 91. Além disso, contou com derrotas de República Checa e Coreia do Sul, suas maiores adversárias pela vaga nas quartas de final – as checas perderam para a Espanha por 77 a 57.

Com isso, Espanha e Rússia lideram o Grupo F, ambas ainda invictas no Mundial, e já estão classificadas para as quartas de final. As outras duas vagas da chave serão definidas apenas nesta quarta-feira, quando acontece a disputa da última rodada, e ficarão com Brasil, República Checa ou Coreia do Sul – o lanterna Japão já está eliminado.

Na última rodada, o Brasil enfrenta a terceira colocada República Checa e precisa da vitória para se classificar. Mas as brasileiras podem ficar com a vaga mesmo em caso de derrota, desde que a Coreia do Sul seja batida pelo Japão também nesta quarta-feira – aí, a definição seria nos critérios de desempate, pois ficariam com a mesma pontuação.

MAIS UMA VITÓRIA – No encerramento da segunda rodada do Grupo E, também nesta terça-feira, os Estados Unidos confirmaram o favoritismo e ganharam da Bielo-Rússia por 107 a 61. Assim, as norte-americanas mantiveram a invencibilidade no Mundial e, já classificadas para as quartas de final, lideram a chave ao lado da Austrália, com quem jogam nesta quarta.