Passando por um momento delicado e correndo sério risco de rebaixamento na Série B do Brasileiro, o Santo André surpreendeu na manhã desta quinta-feira e anunciou a troca de treinador. Fahel Júnior deixou o clube e já foi substituído por Jair Picerni.

Contratado para o lugar de Sérgio Soares, Fahel Júnior ficou apenas cinco jogos no cargo, conquistando uma vitória, dois empates e duas derrotas. Agora, Picerni, que teve uma boa passagem pelo rival São Caetano, chega com a missão de livrar o time do rebaixamento.

“Estamos passando por um momento delicado e não temos tempo para esperar. Resolvemos apostar em um treinador experiente”, afirmou o superintendente de futebol do Santo André, Carlito Arini, que assinou contrato com Picerni até o final da Série B.

Com passagens por clubes como Corinthians e Palmeiras, além da seleção brasileira, Picerni estreia no comando do Santo André já neste sábado, quando acontece o jogo contra o Figueirense, no Estádio Bruno José Daniel, pela 29ª rodada da Série B.

O Santo André ocupa atualmente a 17ª colocação no campeonato, com apenas 29 pontos. Assim, é o primeiro time dentro da zona de rebaixamento, três pontos atrás do Vila Nova, que aparece em 16º lugar.