A diretoria do Santos confirmou nesta terça-feira a contratação do meia Cícero. Fora dos planos do São Paulo, o jogador de 31 anos acertou vínculo com o time da Vila Belmiro por empréstimo até o fim do ano e já treinou no gramado do CT Rei Pelé nesta terça.

Pela negociação, o Santos tem opção de compra dos direitos do jogador em definitivo ao fim do atual contrato. Cícero pertence ao Tombense-MG, do seu empresário Eduardo Uram. O jogador tem passagens por Figueirense e Fluminense e pelo futebol alemão, no Hertha Berlim e Wolfsburg.

Em seu retorno ao Brasil, Cícero passou a defender o São Paulo a partir de julho de 2011. No clube paulista, o meia alternou bons e maus momentos. No início de sua passagem, brilhou no ataque na ausência do então machucado Luis Fabiano e tinha lugar garantido entre os titulares no comando do técnico Emerson Leão.

Contudo, perdeu espaço quando o São Paulo contratou Ney Franco. E teve que se contentar com o banco de reservas na reta final do Campeonato Brasileiro de 2012. No fim do ano, Cícero já estava fora dos planos do time para a nova temporada. E nem chegou a se reapresentar ao grupo na semana passada.

Assim, o acerto com o Santos já era esperado. Antes mesmo da rescisão com o time do Morumbi, Cícero já tinha realizado exames físicos na Vila Belmiro. Nesta terça, ele já fez seu primeiro treino com o grupo santista. Sua apresentação deve acontecer nesta quarta.

Cícero é mais um reforço do Santos para a temporada 2013. Antes dele, foram anunciados o zagueiro Neto, o volante Renê Junior, o lateral-esquerdo Guilherme Santos e o meia Montillo, contratação mais cara da história santista. O clube ainda está em negociação com Nenê, do Paris Saint-Germain, e mostrou interesse em Marcos Assunção após sua saída do Palmeiras, na segunda-feira.