São Paulo – O São Paulo deixou escapar a vitória, ontem, em Criciúma, e perdeu a oportunidade de se manter com 100% de aproveitamento no Campeonato Brasileiro. A equipe, que bateu o Atlético-PR na estréia, vencia por 1 a 0, mas não suportou a pressão do Criciúma e cedeu o empate por 1 a 1.

Com o resultado, o time, que teve desempenho apenas regular, foi a 4 pontos. Na quarta-feira, os paulistas voltam a campo para enfrentar o Fluminense, no Morumbi, pela 3.ª rodada da competição. Mais uma vez, não contarão com seu principal jogador Luís Fabiano, que defenderá, no mesmo dia, a seleção brasileira contra a Hungria, em Budapeste.

Reforço

O presidente Marcelo Portugal Gouvêa reconhece que o elenco precisa de reforços, principalmente para o meio-de-campo, e corre atrás de nomes. Ontem, afirmou que conversará com o volante Vágner, do Celta de Vigo, nos próximos dias, para saber das reais possibilidades de contratá-lo. O jogador, que gostaria de retornar ao Brasil, foi ao CT do São Paulo, na semana passada, para fazer tratamento de uma contusão.

Os dirigentes admiram seu estilo de jogo, mas temem seu comportamento, nem sempre exemplar.

Ficha técnica:

Gols: Gustavo Nery aos 10 minutos do primeiro tempo; Rafael (pênalti) aos 31 do segundo.

Criciúma: Fabiano; Ronaldo, Luciano e Ageu (Marcos Denner); Luís Paulo, Cléber Gaúcho, Geninho (Reinaldo), Douglas (Rafael), Athos e Gleidson; André. Técnico: Vágner Benazzi.
São Paulo: Rogério Ceni; Cicinho, Fabão, Rodrigo e Gustavo Nery; Alexandre, Adriano (Lugano), Fábio Simplício (Fábio Santos) e Danilo (Souza); Jean e Grafite. Técnico: Cuca.
Amarelos: Athos, Reinaldo, Danilo, Jean e Grafite.
Renda e público: Não divulgados.
Local: Heriberto Hulse.