O São Paulo vai ter muitas modificações para enfrentar o Água Santa, neste sábado, às 17 horas, no estádio do Pacaembu, na capital, pela segunda rodada do Campeonato Paulista. O técnico argentino Edgardo Bauza deve manter apenas três titulares da escalação que atuou no meio de semana, colocar na formação inicial quatro atacantes de origem e dar a oportunidade para o lateral-direito Caramelo voltar a defender a equipe depois de quase três anos.

Bauza vai manter do time titular apenas o goleiro Dênis, o zagueiro Rodrigo Caio e o volante Hudson. Kieza deve fazer a estreia pelo clube e ter como companheiro no ataque o argentino Calleri, autor do gol do São Paulo no empate em 1 a 1 com o Cesar Vallejo, no Peru, pela rodada de ida da primeira fase da Copa Libertadores. Outra novidade é o retorno de Wilder Guisao. O colombiano não atua pela equipe desde a saída do compatriota Juan Carlos Osorio.

Na lateral direita, Caramelo ganhou a disputa com Auro e será titular na vaga de Bruno, que ganha descanso. Contratado pelo São Paulo em 2013, teve poucas oportunidades pelo clube e no mesmo ano começou a ser emprestado para outras equipes. Caramelo passou por Atlético Goianiense e Chapecoense, até retornar no início deste ano e ganhar espaço no elenco a ponto de ser inscrito na Libertadores.

A equipe fez um treino fechado nesta sexta-feira, no CT da Barra Funda. Os jornalistas só tiveram acesso depois de 1 hora e 40 minutos do início do trabalho, quando o elenco já disputava um rachão. As novidades foram a presença do zagueiro uruguaio Diego Lugano, que tenta recuperar a forma física para reestrear, e do atacante Kelvin, recém-contratado por empréstimo e que teve a chegada confirmada na última quinta.