Lucimar do Carmo
Técnico já dirigiu o
Paraná Clube, onde, como jogador, foi o principal artilheiro do clube.

O Leão da Estradinha 2007 já está em campo. Ou melhor, o Rio Branco inicia a partir de hoje os trabalhos visando à próxima temporada. O ex-atacante do Paraná Clube, Saulo de Freitas é a principal novidade da equipe de Paranaguá. Saulo será o novo treinador do clube, que terá ainda como auxiliar-técnico outro ex-jogador, Erminho, meia-atacante que por muitos anos defendeu o time do litoral do Estado.

O Rio Branco se prepara para disputar o próximo Campeonato Paranaense. Além de apresentar o Tigre da Vila para dirigir o time, são esperados também os primeiro reforços vindos da recém-firmada parceria com a SM Sports, que tem como responsável Sérgio Malucelli, presidente do Iraty. ?Ainda não definimos quais e quantos seriam os jogadores. Alguns deles estavam emprestados para outros clubes que disputavam o Brasileiro?, disse Abílio Bezerra, gerente de futebol do Rio Branco.

Segundo Abílio Bezerra, o Iraty tem por ?filosofia? utilizar jogadores formados na sua base, e com pouca idade. Os demais são emprestados ou negociados com outros clubes. ?Vamos conversar com o Saulo, e ver a nossas necessidades?, completou o dirigente.

Porém, se depender da base atual, o Leão da Estradinha terá de montar um novo time. Do elenco que disputou o estadual e o Brasileiro da Série C, somente o lateral-direito Baiano, e os meias-atacantes Ratinho e Negreiros devem prosseguir no clube.

Rio Branco está na Copa do Brasil

A classificação do Paraná Clube para a Libertadores abriu uma vaga para as equipes do Estado na Copa do Brasil 2007. A Confederação Brasileira de Futebol confirmou ontem, ao presidente da Federação Paranaense de Futebol – FPF, Onaireves Moura, que caberá ao Rio Branco de Paranaguá, 4.º colocado no Paranaense 2006, a vaga que seria do Tricolor da Vila.

A FPF é a 5.ª colocada no ranking nacional das federações, posição que lhe dá o direito a três vagas na Copa do Brasil. Além do Rio Branco, que ficou com a vaga que caberia ao Paraná pela conquista do título estadual, os outros dois representantes paranaenses na competição nacional são: a Adap, vice-campeã do estadual deste ano, e o Coritiba, 3.º colocado. O Atlético disputaria a Copa do Brasil pelo critério técnico da CBF.