O Botafogo chegou a liderar o placar por duas vezes na noite desta quinta-feira, mas acabou cedendo mais um empate (3 a 3) neste Brasileirão, desta vez contra o Internacional, aos 49 minutos do segundo tempo. Seedorf, no entanto, negou o “gosto de derrota” e tratou de elogiar o desempenho dos seus jogadores no Maracanã.

“Foi uma atuação impressionante. Foi o melhor Botafogo que vi esse ano contra o melhor time que vi esse ano, o Internacional. O que fizemos durante os 90 minutos é para se valorizar muito”, comentou o volante, um dos líderes do time. “Quem é líder nesse momento somos nós. Hoje, é um ponto. Mas, se acabar o campeonato agora, somos campeões”.

Para Seedorf, o Botafogo deve contabilizar a boa atuação, sem se preocupar com a decepção do empate sofrido no fim. “Vamos levar o que fizemos durante o jogo. Durante 60, 70 minutos foi só o Botafogo jogando. O time e o treinador estão de parabéns. Continuamos mostrando um bom jogo”, exaltou o jogador, que marcou um dos gols do Botafogo na quinta.

O volante alerta que o time não pode perder o ritmo, mesmo depois da sequência de três empates. “É ter responsabilidade para manter ciclo de concentração e determinação contra a Portuguesa. Mais na frente, vamos levar os três pontos nos últimos minutos. Esse Campeonato Brasileiro é assim, equilibrado. Ninguém pode sonhar em fazer 4 a 0 no Inter. Tenho muito orgulho de fazer parte deste grupo e deste trabalho”.