Na semana passada, os jogadores do Vasco ameaçaram deixar de se concentrar para jogo do Campeonato Carioca, em protesto contra o atraso no pagamento dos salários. A diretoria quitou parte dos vencimentos, a crise foi amenizada pela vitória sobre o Duque de Caxias por 3 a 1, mas, nesta terça-feira, os atletas decidiram que não haveria concentração para a partida desta quarta. Pela terceira rodada do Estadual, o Vasco enfrenta o Bangu, às 17 horas, no estádio Moça Bonita.

Após reunião entre atletas, comissão técnica e diretoria em São Januário, ficou definida a apresentação do grupo nesta quarta, às 10 horas, que depois seguirá para o local de jogo. O Vasco ainda deve dois meses de salários (13.º e dezembro) e parte dos direitos de imagem dos atletas. O clube aceitou a postura dos jogadores, mas, de acordo com o diretor executivo Daniel Freitas, fez questão de mostrar a eles que “este não é o melhor caminho”.

O meia Juninho Pernambucano e o volante Allan vão ser desfalques para o jogo desta quarta. Juninho vai ser poupado pelo técnico Cristóvão Borges, mas Allan, que disputou cerca de 10 minutos do treino recreativo desta terça, voltou a sentir dores e só deve voltar ao time na rodada do fim de semana.

Outro desfalque será o goleiro Fernando Prass, que sofreu um corte no joelho e ficará uma semana sem jogar. Por outro lado, o meia Felipe foi confirmado por Cristóvão Borges e deve fazer a sua primeira partida oficial em 2012.