Em crise no Campeonato Brasileiro, com apenas seis pontos, o América-MG demitiu nesta segunda-feira o técnico Mauro Fernandes. Comunicado divulgado pela direção do clube afirma que a decisão foi tomada em “comum acordo” entre o ex-treinador e a diretoria em reunião no fim da manhã.

Mauro Fernandes estava à frente do time mineiro desde o início do ano passado e era responsável pelo comando da equipe no retorno à Série A do Campeonato Brasileiro depois de o time ficar dez anos fora do grupo de elite.

No entanto, o clube passa por uma crise no Brasileirão, sem vencer há oito jogos. Desde o início do torneio, o América-MG venceu apenas a partida de estreia, contra o Bahia, e amarga cinco derrotas e três empates.

O último tropeço aconteceu no domingo, na derrota por 2 a 0 para o Atlético-MG na Arena do Jacaré, em Sete Lagoas (MG). Com o resultado, o América ocupa a zona de rebaixamento, no 18º lugar.

Segundo a assessoria do América-MG, quando a equipe se reapresentar nesta terça, no CT Lanna Drumond, em Belo Horizonte, as atividades serão comandadas pelos preparadores e auxiliares técnicos do time.

A direção espera anunciar o nome do novo técnico até quarta, para que ele já esteja no comando da equipe no domingo, na partida contra o Ceará, em Fortaleza, pela 10ª rodada do Campeonato Brasileiro.

Fernandes foi o segundo técnico de uma equipe mineira a cair na temporada. No fim de junho, Cuca se demitiu do comando do Cruzeiro após um empate em 1 a 1 justamente contra o América-MG. A vaga foi assumida por Joel Santana.