A tenista norte-americana Serena Williams ficou quase um mês afastada das quadras por causa de uma infecção viral, mas faz um retorno em grande estilo. Neste sábado, ela ganhou da alemã Andrea Petkovic e garantiu sua vaga na final do Torneio de Stanford, nos Estados Unidos.

Número 1 do mundo, Serena chegou a aplicar um “pneu” em Petkovic, ao fazer 6/0 no segundo set – antes, tinha vencido o primeiro por 7/5. Assim, ela somou a sua quarta vitória em quatro jogos disputados contra a alemã, que ocupa atualmente a 18ª colocação no ranking da WTA.

Em Stanford, torneio que serve como preparação para o US Open (o Grand Slam começa no dia 25 de agosto, em Nova York), Serena enfrentará na final deste domingo a também alemã Angelique Kerber ou a norte-americana Varvara Lepchenko, que jogam mais tarde neste sábado.

WASHINGTON – No Torneio de Washington, também nos EUA, a japonesa Kurumi Nara se tornou a primeira finalista, ao vencer a neozelandesa Marina Erakovic por 0/6, 6/4 e 6/4. Sua adversária sairá ainda neste sábado, no duelo russo entre Svetlana Kuznetsova e Ekaterina Makarova.