A norte-americana Serena Williams receberá a maior multa da história do tênis profissional. A número 1 do ranking mundial terá de pagar US$ 82.500 (cerca de R$ 144 mil) por ter ameaçado e ofendido uma juíza de linha na semifinal do US Open deste ano.

Williams disputava a semifinal do torneio com a belga Kim Clijsters e perdia por 1 set a 0, com 6/5 contra na segunda parcial. Quando estava com 15/30, ela teve assinalada uma foot-fault por ter pisado na linha no momento do saque.

Então, Serena teve contra si um match point, e disse “vou te matar” para a juíza de linha Louise Engzell. Ofendida, Engzell reclamou com o árbitro principal, que deu uma punição à tenista, decretando sua derrota por 6/4 e 7/5.

Além da multa, Serena ficará dois anos em observação. Caso ela volte a ter comportamento inadequado, terá de pagar US$ 175 mil (cerca de R$ 300 mil), e poderá ser punida com suspensão de dois anos.