O confronto entre Estados Unidos e Austrália Ouro, nesta terça-feira, pela Copa Hopman foi agitado para os torcedores presentes em Perth, na Austrália. Primeiro a norte-americana Serena Williams voltou a sentir a lesão no joelho esquerdo e abandonou a partida que fazia contra Jarmila Gajdosova Wolfe. Na sequência, festa local para uma das últimas vitórias da carreira de Lleyton Hewitt, que irá se aposentar do tênis profissional após o Aberto da Austrália.

Depois de desistir de jogar na primeira rodada, quando os Estados Unidos encarou a Ucrânia na última segunda-feira, Serena Williams voltou a sentir a mesma lesão no joelho esquerdo nesta terça. A número 1 do mundo abandonou o jogo contra Jarmila Gajdosova Wolfe quando perdia por 7/5 e 2/1.

Após o confronto, Serena Williams relatou que a desistência é preventiva e que a inflamação não deve preocupar a longo prazo. “Eu tenho alguma inflamação no joelho que está indo embora muito lentamente. Vai dar certo, ele só precisa de um pouco mais de tempo”, disse. “Não é mesmo um inchaço, é uma coisa realmente menor e eu vou superar”.

Com a vitória de Gajdosova, a Austrália Ouro foi para a partida masculina cheia de moral. Ainda mais com Lleyton Hewitt em casa. Ele enfrentou Jack Sock e venceu por 2 sets a 0, com parciais de 7/5 e 6/4. Nas duplas, junto com sua compatriota confirmou os 3 a 0 sobre os Estados Unidos com o triunfo por 7/6 (7/4) e 6/1 sobre Sock e Victoria Duval.

“Para mim, jogar em casa e diante da minha própria torcida é a maior coisa que eu vou sentir falta”, disse Hewitt. “Agora veio em minha mente que este foi meu último jogo noturno na Copa Hopman. Eu estava muito motivado. É por isso que você joga esse esporte”.

UCRÂNIA GANHA – O time ucraniano ficou mais perto da final ao ganhar nesta terça-feira da República Checa por 2 a 1, pelo Grupo A. Com a vitória sobre os Estados Unidos na estreia, a Ucrânia está na liderança, seguida por checos e a Austrália Ouro.

Elina Svitolina abriu o confronto contra os checos derrotando Karolina Pliskova por 2 sets a 0, com parciais de 7/5 e 6/2. O segundo jogo do dia também foi definido em sets diretos, só que desta vez com parciais bem apertadas. Dolgopolov levou a melhor ao anotar placar final de 7/5 e 7/6 (7/3) contra Jiri Vesely.

Nas duplas mistas, os checos deram o troco e anotaram a solitária vitória do dia. Pliskova e Vesely derrotaram Svitolina e Dolgopolov por 2 sets a 0, com 6/3 e 6/1.