Depois de quase dez anos, a parceria entre Sérgio Malucelli e o Londrina está próxima do fim, O empresário, dono da SM Sports, já avisou que não vai renovar o acordo, que vai até 31 de dezembro, e quer antecipar este término para maio, junto com o Campeonato Paranaense, que agora não tem mais data definida.

Em entrevista à rádio Banda B, e confirmada pela reportagem, o dirigente explicou que já tem adiantada uma nova parceria, com o Araucária Esporte Clube, que atualmente está na segunda divisão do Estadual.

“Já acertei com o Araucária e estou assumindo por quatro anos, no mesmo molde de contrato que tive com o Londrina, podendo renovar por mais quatro anos. Os jogadores que tenho vou transferir todos para o Araucária”, afirmou ele.

Outro ponto que pesou foi a questão financeira. Segundo Malucelli, o prejuízo mensal vinha sendo grande, principalmente desde o ano passado, e sem o apoio da torcida ficou difícil gerir o Alviceleste.

“Meu gasto mensal no Londrina é de R$ 700 mil por mês. É muito dinheiro. O Campeonato Paranaense pagou duas parcelas este ano, somando apenas R$ 190 mil. Aí não tem rendimento nenhum. Aliado a isso, o londrinense acha que o Londrina é o melhor time do mundo e acredita que o clube é do mesmo tamanho que Athletico, Coritiba e Paraná. Não é e dificilmente será um dia. O futebol hoje precisa de um rendimento do sócio-torcedor, senão você não consegue manter”, reforçou.

Para tentar recuperar a perda, o empresário, assim que acabar a parceria, irá colocar à venda o CT no qual o Londrina treina atualmente.

Histórico

Sérgio Malucelli assumiu a gestão do Londrina em 2010. Neste período, recolocou o clube na primeira divisão do Estadual, sendo campeão paranaense em 2014, além de ter conquistado os acessos da Série D para a C, em 2014, e da C para a B, em 2015, e o título da Primeira Liga em 2017.

No entanto, em 2019 o Tubarão foi rebaixado na Série B, uma situação que acabou acelerando esta saída do dirigente, que procurou outro clube, no caso o Araucária, para gerir.

+ Mais do futebol paranaense:

+ Clínica odontológica vira “febre” entre jogadores de Athletico, Coritiba e Paraná
+ Coritiba conta com apoio da torcida pra manter contas em dia
+ Atlético-MG demonstra interesse em meia titular do Athletico
+ De “férias forçadas”, lateral do Paraná conta com ajuda da namorada