São Paulo – O tênis brasileiro revela estar em um de seus piores momentos. No último Grand Slam do ano, apenas dois tenistas irão participar da chave principal – Gustavo Kuerten e Ricardo Mello, ambos com remotas chances.

Ontem, na última rodada do qualificatório, Nanda Alves esteve perto de ser a primeira brasileira a jogar um Grand Slam em 12 anos, mas acabou perdendo, de virada, para a norte-americana Tiffany Dabek. No lado masculino, Thiago Alves também desperdiçou uma boa chance ao cair diante do australiano Peter Luczak. Flávio Saretta, Marcos Daniel, André Sá e Júlio Silva haviam perdido nas rodadas preliminares.