Cabeças de chave número 1 da chave de duplas do Torneio de Eastbourne, o brasileiro Bruno Soares e o austríaco Alexander Peya venceram o eslovaco Martin Klizan e o australiano Marinko Matosevic por 2 sets a 0, com parciais de 6/4 e 7/5, nesta quarta-feira, e garantiram vaga na semifinal da competição inglesa.

Atuais vice-líderes do ranking mundial de duplas, Soares e Peya se credenciaram para enfrentar na próxima fase do ATP 250 realizado em quadras de grama, preparatório para Wimbledon, o britânico Jamie Murray e o australiano John Peers. Essa parceria foi à semifinal ao desbancar o favoritismo do checos Radek Stepanek e do indiano Leander Paes, terceiros cabeças de chave, derrotados por 2 sets a 1, com parciais de 1/6, 6/3 e 10/5 no super tie-break.

Campeões do Brasil Open e do Torneio de Barcelona nesta temporada, Soares e Peya buscam o terceiro título no ano, sendo que eles estão embalados por duas boas campanhas. Primeiro foram até as semifinais em Roland Garros, antes de serem vice-campeões em Queen’s, em Londres, no último domingo. Nas duas ocasiões, acabaram superados pelos irmãos norte-americanos Mike e Bob Bryan, atuais líderes do ranking mundial.

SIMPLES – Os duelos das quartas de final da chave de simples em Eastbourne foram definidos neste dia de confrontos na Inglaterra. O francês Gilles Simon, segundo cabeça de chave, se garantiu na próxima fase ao bater o britânico Kyle Edmund por duplo 7/6, com 7/5 e 7/3 no tie-break. O seu próximo rival será o australiano Bernard Tomic, que superou o francês Julien Benneteau por 2 sets a 1, com 6/2, 5/7 e 7/6 (7/4).

Já o canadense Milos Raonic, cabeça de chave número 1, não conseguiu justificar favoritismo diante do croata Ivan Dodig, que foi às quartas de final com uma vitória por 2 sets a 1, com 6/2 e 7/6 (9/7). O oponente do tenista da Croácia na próxima fase será o italiano Fabio Fognini, que passou pelo eslovaco Martin Klizan, superado de virada com parciais de 6/7 (6/8), 6/2 e 6/2.

Outros dois favoritos eliminados nesta quarta foram o alemão Philipp Kohlschreiber e o argentino Juan Monaco, respectivos terceiro e quarto cabeças de chave. O primeiro deles caiu diante do checo Radek Stepanek com parciais de 7/5 e 6/3. Já o tenista sul-americano foi batido pelo espanhol Feliciano López por duplo 6/4.

Com isso, Stepanek se credenciou para encarar na próxima fase o italiano Andreas Seppi, sétimo cabeça de chave, que superou o norte-americano Ryan Harrison, de virada, com 3/6, 7/5 e 6/3. Já López pegará o espanhol Fernando Verdasco, que nesta quarta eliminou o seu compatriota Albert Ramos por 6/4 e 6/0.