Ainda de ressaca pela eliminação, na última quarta-feira, da semifinal da Copa do Brasil pelo Atlético Paranaense, o Grêmio entra em campo neste domingo com uma difícil tarefa: vencer o líder do Campeonato Brasileiro, o Cruzeiro, que tem chances de ser declarado campeão com antecedência. A partida, pela 33.ª rodada, será no estádio do Mineirão, em Belo Horizonte.

Com 54 pontos, na terceira colocação, o Grêmio corre grande risco de deixar o G4 da competição – grupo de classificação à próxima edição da Copa Libertadores. O time gaúcho é seguido por Botafogo, com 53 pontos, e Goiás, que antes de jogar no sábado tinha 52.

Ninguém discorda no time gaúcho que a conquista esteja em mãos mineiras, mas a meta é evitar que ela seja sacramentada já neste final de semana. Para isso, o atacante Kleber não quer saber de outro resultado que não seja a vitória, mesmo fora de casa.

“O Cruzeiro é muito especial para mim. Tenho o clube no coração porque vivi momentos maravilhosos profissionalmente e pessoalmente lá. Acrescentou muito na minha vida e sou grato por isso. Mas meu objetivo também é grande no Grêmio. Todo mundo sabe que o Cruzeiro será campeão, a diferença é muito grande para os outros times, mas podemos adiar isso mais uma rodada”, disse.