A final de duplas masculinas em Wimbledon contou com uma grande surpresa neste sábado. Parceria número 1 do mundo e franco favoritos, os irmãos norte-americanos Mike e Bob Bryan foram superados pelo também americano Jack Sock e pelo canadense Vasek Pospisil por 3 sets a 2, com parciais de 7/6 (7/5), 6/7 (3/7), 6/4, 3/6 e 7/5, em 3h11min.

Jogando juntos pela primeira vez, Sock e Pospisil fecharam o jogo no quinto match point e coroaram uma grande campanha na grama de Londres. Para chegar ao título, eles precisaram derrubar quatro duplas cabeças de chave, incluindo a formada pelo brasileiro Bruno Soares e pelo austríaco Alexander Peya, nas quartas de final. Antes venceram André Sá e o croata Mate Pavic.

Sock, de apenas 21 anos, tornou-se o terceiro jogador mais jovem a vencer um título de duplas masculinas e duplas mistas em um Grand Slam na era aberta do tênis – ele também venceu o US Open de 2011 ao lado da compatriota Melanie Oudin.

Para Bob e Mike Bryan, tricampeões em Wimbledon, a derrota foi a terceira em finais nesta temporada, a primeira em uma final de Grand Slam – no Aberto da Austrália e em Roland Garros eles caíram antes da decisão. Neste ano, eles já venceram cinco títulos, três deles de nível Masters 1000.