O Sport tem cartada decisiva diante do Paraná. Após duas derrotas seguidas fora de casa, viu seu acesso ameaçado por Icasa e Ceará, que colaram na tabela de classificação, com os mesmos 56 pontos. O técnico Geninho definiu o time com duas modificações: Ailton volta à condição de titular, recuperado de um estiramento muscular. Na vaga de Lucas Lima, terá a missão de municiar o trio ofensivo, formado por Felipe Azevedo, Neto Baiano e Marcos Aurélio.

 

A outra mudança é também no meio-de-campo, com Rafael Pereira entrando no lugar de Rithely. “Apesar da euforia de muitos, tinha a certeza de que a definição só aconteceria na última rodada”, falou Geninho, pregando tranquilidade. Na sua avaliação, quatro clubes brigam por duas vagas, acreditando que com menos de 62 pontos é impossível pensar no acesso. “Nossa briga é com Ceará, Icasa e Figueirense. Os demais, ficaram pra trás”, comentou Geninho. O Sport joga todas as fichas nos jogos em casa, contra Paraná e Paysandu, para encaminhar o acesso.