O australiano Casey Stoner superou as dores nas costas que o atrapalharam na última terça-feira e foi o mais rápido nesta quarta no segundo dia de testes coletivos da MotoGP no circuito de Sepang, na Malásia. Atual campeão da categoria, o piloto da Honda cravou o tempo de 2min00s895 na melhor de suas 29 voltas na pista asiática e deixou em segundo lugar o norte-americano Ben Spies, da Yamaha, que cronometrou 2min01s052.

Na última terça, Stoner conseguiu dar apenas quatro voltas na pista e fechou o dia na modesta 14.ª colocação, enquanto o espanhol Jorge Lorenzo foi o mais veloz. Desta vez, o piloto da Yamaha ficou em terceiro lugar ao marcar o tempo de 2min01s068.

O espanhol Dani Pedrosa (Honda), o inglês Cal Crutchlow (Yamaha Tech 3) e Hector Barbera (Pramac Ducati), outro piloto da Espanha, completaram, nesta ordem, o grupo dos seis mais bem colocados desta quarta.

Já o italiano Valentino Rossi desta vez ficou em sétimo com sua Ducati, depois de ter terminado em quinto no dia anterior. O norte-americano Nicky Hayden, companheiro de Rossi, foi apenas o décimo mais veloz nesta quarta.

Os testes na Malásia abrem a pré-temporada da maior categoria da motovelocidade mundial e Sepang está sendo palco da primeira experiência dos pilotos com as motos CRT, que não fazem parte da Associação dos Fabricantes, formada por Ducati, Honda, Yamaha e Suzuki.

Com motores de 1.000cc e maior capacidade no tanque (24 litros contra 21 das outras), elas seguiram nesta quarta com os seus pilotos no pelotão final do grid, assim como aconteceu na terça. E, com a 15.ª posição no geral, mais uma vez o norte-americano Colin Edwards foi o melhor deste grupo, que ainda teve os espanhóis Jordi Torres e Ivan Silva em 16.º e 17.º lugares, respectivamente, e o venezuelano Robertino Pietri na 18.ª e última colocação.