Considerada o paraíso das ondas tubulares, a praia da Cacimba do Padre, em Fernando de Noronha, fez jus ao título e propiciou ondas de mais de dois metros para os finalistas do Red Bull Tube and Air, na última semana. Doze dos melhores surfistas amadores do país se enfrentaram na competição, que coroou o carioca Matheus Faria como o grande campeão.

Os surfistas que tem entre 14 e 18 anos e foram selecionados em seis qualificatórias pelo país ao longo do ano foram julgados por nomes como o surfista profissional Danilo Costa e a lenda do esporte no país Teco Padaratz. Na competição, os atletas eram exigidos em duas das manobras mais famosas do surf: os tubos e os aéreos.

Depois de vencer as duas primeiras baterias com tranquilidade, Matheus se classificou para a final contra o potiguar Ítalo Ferreira, o catarinense Iago Dora e o paulista Wesley Santos. Com 53 pontos, ele ficou com o título devido principalmente a um tubo que recebeu muitos elogios dos jurados.

O segundo colocado foi Ítalo Ferreira, com 49 pontos. Em terceiro lugar ficou Yago Dora, com 46,2. Teco Padaratz aprovou o formato, inovador em competições de surf.