O atacante Douglas Tanque, do Paraná Clube, será julgado nesta terça-feira (5) pela expulsão no jogo contra o Palmeiras, pelas oitavas de final da Copa do Brasil. Itamar Côrtes, advogado do Tricolor no caso, lamenta a ausência do próprio atleta na defesa.

“Infelizmente não poderemos contar com a presença do atleta, que estará com a delegação do Paraná Clube em Goiânia para a partida contra o Goiás, mas acredito que temos embasamento suficiente para conquistarmos um bom resultado”, disse o advogado.

Tanque foi denunciado nos artigos 254-A e 258, por agressão física e desrespeito. “Vamos mostrar através das imagens que foi um choque normal de jogo e que os dois atletas se desentenderam, mas o Douglas não cometeu nenhuma agressão”, declarou Côrtes.