Porto Alegre – Favorito no confronto de hoje, contra o Grêmio, o Internacional tem uma preocupação rara na história do clássico gaúcho, a de evitar que seus jogadores menosprezem o rival e considerem a vaga para a próxima fase da Copa Sul-Americana ganha antes do final da partida. O técnico Muricy Ramalho passou a semana advertindo que a diferença de dois gols, estabelecida no jogo de ida, não é definitiva e pedindo que os jogadores não entrem do clima de “já ganhou” que se estabeleceu entre os torcedores.

A preocupação de Muricy é justificável para quem administra uma situação amplamente vantajosa. Ele não tem problemas para montar o time e já anunciou a escalação com o que tem de melhor no momento. Também conta com o alto astral da equipe, que vinha de uma série de derrotas e sob seu comando voltou a vencer. Além disso, pode perder por um gol de diferença que estará classificado. Se perder por dois gols de diferença, ainda assim terá a chance de conquistar a vaga nos pênaltis.

O Grêmio, ao contrário, vive uma das maiores crises de sua história. O time não vence há 11 jogos, afundou para a zona de rebaixamento do Brasileiro e precisa ganhar por três gols de diferença para seguir na competição continental. Para piorar a situação, o técnico Cuca só poderá definir o time pouco antes do início do jogo. Ele vai esperar pela revisão médica para saber se Baloy, com um corte no joelho, e Cocito, com dores musculares, podem jogar. O centroavante Christian fez uma artroscopia ontem à noite e está fora.

Os dois técnicos prometem marcações individuais sobre os jogadores mais perigosos do adversário. Um volante do Grêmio, possivelmente Cocito, vai grudar em Fernandão. E Álvaro, do Inter, vai acompanhar Cláudio Pitbull em todas as partes do campo.

Ficha técnica:

Grêmio: Márcio; Claudiomiro, Fábio Bilica e Baloy (Luciano Santos); George, Cocito (Emerson), Felipe Melo, Yan e Arílson; Fábio Pinto e Cláudio Pitbull. Técnico: Cuca.
Internacional: Clemer; Élder Granja, Edinho, Vinícius e Felipe; Álvaro, Gavilán, Marabá e Fernandão; Danilo e Rafael Sobis. Técnico: Muricy Ramalho.
Árbitro: Paulo César Oliveira (SP). Horário : 19h. Local: Olímpico.