O técnico Marcelo Oliveira preferiu não dar muita ênfase ao placar final do jogo. “O amistoso cumpriu seu objetivo. Um treino forte, próximo daquilo que vamos encontrar na volta à Série B”, disse o treinador.

Mesmo sem demonstrar insatistação com a derrota, Oliveira deixou claro que o time tem que jogar mais a partir do confronto com o Icasa, no dia 13 de julho. Para Oliveira, dois aspectos pesaram para o resultado final. Um deles diz respeito à condição física.

“O time ainda está um pouco travado”. Um quadro natural para este período de intertemporada. Foram apenas três trabalhos coletivos desde a volta às atividades. “Além disso, por mais que você diga que é jogo, inconscientemente o atleta vê como um treino. E foi assim mesmo”, confirmou o técnico.

Marcelo Oliveira viu um adversário bem armado e com muita força, o que inibiu melhores ações ofensivas do Paraná. “É um time bem competitivo, que ocupa os espaços e busca o ataque. Vai se dar bem na Série C”, apostou o comandante paranista.

“Já o Paraná tem pela frente mais dois amistosos, que devem ser fortes como este. Assim, poderemos chegar bem até o confronto com o Icasa, que é o nosso foco”, arrematou.