Exatos 90 dias depois que iniciou a pré-temporada, o time principal do Atlético finalmente fará seu primeiro jogo oficial na temporada 2013. Hoje, às 19h30, contra o Brasil de Pelotas, no interior do Rio Grande do Sul, o Furacão inicia a caminhada na Copa do Brasil. Além do adversário, que disputa a Segunda Divisão do futebol gaúcho, outro rival do Rubro-Negro é a falta de ritmo de jogo, já que neste período a equipe viveu basicamente de jogos-treinos.

Mesmo com a equipe inativa, o técnico Ricardo Drubscky não terá força máxima para o jogo no estádio Bento Freitas. O lateral-esquerdo Pedro Botelho, expulso no empate por 1 x 1 contra o Paraná Clube, pela última rodada da Série B do ano passado, vai cumprir suspensão no duelo contra o time do interior gaúcho. Sem um substituto imediato para a lateral-esquerda, o treinador improvisará o lateral-direito Léo ou o meio-campo Maranhão na função.

A outra baixa do Furacão para o duelo no interior do Rio Grande do Sul está na defesa. Em fase final de recuperação de uma lesão muscular na coxa direita, o zagueiro Cléberson foi vetado para este compromisso. Assim, Ricardo Drubscky tem duas opções para o setor: Bruno Costa, recém promovido da equipe sub-23, e Luiz Alberto, remanescente do ano passado.

Do time que terminou a Série B do ano passado, e conquistou o acesso para a Primeira Divisão do Campeonato Brasileiro, são oito remanescentes que deverão iniciar o duelo contra o Brasil de Pelotas. As novidades ficarão por conta do lateral-direito Jonas, contratado pelo Atlético em fevereiro, depois de iniciar a temporada no Vasco; o meio-campo Maranhão, que deve atuar na lateral-esquerda; além do armador Everton, revelado pelo Paraná Clube, e que teve boas passagens por Flamengo e Botafogo.”O estreando desbancou Paulo Baier do time titular.

Assim como aconteceu na Segunda Divisão de 2012, o goleiro Wéverton será novamente o dono da meta atleticana. Do meio para frente, apenas o armador Everton aparece como novidade. O setor de contenção do Furacão será formado pelos volantes Deivid e João. A armação das jogadas deverá ter também o meio-campo Elias. No ataque, a dupla será formada pelos atacantes Marcelo e Marcão. Juntos, na Série B do ano passado, eles marcaram 28 gols. Hoje, buscam o primeiro gol do time principal em 2013. Se o Atlético ganhar por dois de diferença, elimina o jogo de volta e vança para a 2.ª fase do torneio.