O argentino David Nalbandian foi desclassificado da final do torneio de Queen’s, na Inglaterra, hoje, contra o croata Marin Cilic, após se irritar durante a partida, chutar uma placa de anúncio e atingir o juiz de linha.

Tudo aconteceu no segundo set, quando Nalbandian perdia por 4/3 -o argentino, porém, havia ganho o primeiro set, por 7/6 (3).

O tenista errou uma devolução e, revoltado, deu um chute forte na placa publicitária, que atingiu a perna do juiz. O ferimento causou até sangramento.

Ainda em quadra, o argentino tentou se explicar, mas o árbitro principal e a organização do torneio decidiram desclassificar o atleta por ato antidesportivo.

Desse modo, Cilic ficou com o troféu. Após a partida, Nalbandian pediu desculpas e reclamou das muitas regras que a ATP impõe aos jogadores em quadra.

“Sinto muito pelo o que aconteceu. Algumas vezes você se sente muito frustrado em quadra e é difícil de se controlar. E alguma vezes sentimos a pressão da ATP. Há muitas regras, o regulamento é muito grande e digo que a ATP faz o que quer com os jogadores e não acontece nada”, disse o argentino.