Nada menos que 58 recordes, estabelecidos em anos anteriores da mesma competição, foram batidos neste último fim de semana na V Copa Mercosul – disputada no Clube Curitibano. Colaborou para esse resultado o fato de que 32 dos 949 atletas que disputaram as provas integram a seleção brasileira de natação, garantindo o alto nível das competições. O torneio terminou ontem.

No resultado final de clubes, o vencedor foi o Esporte Clube Pinheiros, de São Paulo, que somou 707 pontos. Em seguida vieram a Unaerp (Associação de Ensino de Ribeirão Preto), também de São Paulo, com 690 pontos, e o Minas Tênis Clube, de Belo Horizonte, com 615 pontos. No total, 55 clubes participaram da competição.

Gustavo Borges, nadando pelo Esporte Clube Pinheiros, estabeleceu dois recordes na competição: nos 50 metros livre, com o tempo de 00’23″35, no sábado, e ontem nos 100 metros livre, com 00’50″68. O paranaense Rogério Romero, do Minas Tênis Clube, também marcou o recorde nos 100 metros costa, com 00’58″42, na tarde de sábado. Ontem, Eduardo Fischer, do Joinville Tênis Clube, bateu seu próprio recorde e marcou 01’02″49 nos 100 metros peito. Os três nadadores já disputaram olimpíadas e integram a seleção brasileira de natação.