A alegria do brasileiro Thiago Alves por ter furado o qualifying e entrado na chave principal do Masters 1000 de Indian Wells, nos Estados Unidos, durou apenas um dia. Nesta quinta-feira, em sua estreia na competição, o tenista de São José do Rio Preto foi eliminado pelo experiente alemão Rainer Schuettler por 2 sets a 0 e com direito a um “pneu” – parciais de 7/5 e 6/0.

A derrota custou a Thiago Alves a chance de enfrentar mais um dos melhores tenistas do mundo na atualidade – na estreia do US Open de 2008, enfrentou o suíço Roger Federer. Na segunda rodada, Schuettler terá pela frente o espanhol Rafael Nadal, que volta às quadras após mais de um mês se tratando de dores no joelho.

Nesta sexta, na continuação da primeira rodada, mais dois brasileiros entram em quadra. O gaúcho Marcos Daniel, número 86 do mundo, faz sua estreia contra o holandês Thiemo de Bakker. E o paulista Ricardo Mello, que furou o qualifying, joga contra o argentino Horácio Zeballos. “Nos conhecemos bem. Jogamos várias vezes na temporada passada. Será um jogo duro. Ele está bem ranqueado e jogando bem. Me sinto bem adaptado e à vontade aqui, principalmente pelas duas partidas do quali”, disse Mello.

Quem conheceu seu rival da estreia, mas já pela segunda rodada, foi Thomaz Bellucci. O número 32 do mundo e cabeça de chave 26 em Indian Wells terá pela frente o espanhol Carlos Moya, que sofreu para despachar o desconhecido norte-americano Tim Smyczek por 2 sets a 0 – com parciais de 7/6 (9/7) e 7/6 (7/5).

“Neste torneio não tem adversário fácil. O Moyá, apesar de estar voltando a jogar, é bastante experiente e não dá para bobear”, avisou Bellucci. O espanhol atualmente ocupa a 639.ª posição do ranking mundial da ATP e disputa o Masters 1000 como convidado. Na temporada passada ele passou por uma cirurgia no quadril e teve uma lesão no pé que o tiraram das quadras por quase dez meses.

OUTROS RESULTADOS – Com os principais favoritos de folga na primeira rodada, o dia teve poucos jogos de expressão. De maior destaque, apenas as vitórias do croata Mario Ancic sobre o norte-americano Bobby Reynolds (4/6, 6/3 e 6/4) e do norte-americano Mardy Fish sobre o alemão Michael Berrer (1/6, 6/1 e 6/3).