Os brasileiros Thiago e Pedro Cunha se classificaram nesta terça-feira para o qualifying do Grand Slam de Stavanger do Circuito Mundial de vôlei de praia, que será realizado na quarta-feira, na cidade norueguesa. Para se manterem na competição, ele precisaram derrotar duas duplas compatriotas.

Na primeira partida, os líderes do ranking nacional derrotaram Franco/Jan em três sets, com parciais de 21/16, 17/21 e 18/16. Mais tarde, eles venceram os medalhistas Márcio e Ricardo, com um duplo 21/17. Pedro Cunha comemorou o resultado positivo.

“É sempre muito importante disputar um Grand Slam. Acabamos eliminados no country-cota em Moscou e estamos pagando o preço, já que poderíamos ter tido uma boa pontuação naquela etapa e entrado no ranking”, lembrou o jogador.

Ele também fez uma análise do desempenho dele e do seu parceiro. “A primeira partida foi bem complicada, como sempre tem sido contra Franco e Jan. Todos os jogos contra eles foram 2 a 1 este ano. Com o ritmo que adquirimos neste jogo, entramos bem na segunda partida e conseguimos manter o padrão até o final”, comenta Pedro.

Três duplas brasileiras já estão garantidas na chave principal do torneio. Alison/Emanuel, Benjamin/Bruno Schmidt e Pedro Solberg/Harley iniciarão a disputa da competição na quinta-feira.

FEMININO – Taiana e Vivian, que tinham passado pelo country-cota, na segunda-feira, não se deram bem no qualifying do feminino, que foi realizado nesta terça-feira. Elas chegaram a vencer o primeiro jogo das eslovenas Erika e Simona Fabjan por 2 sets a 0 (22/20 e 21/11). Entretanto, no segundo jogo, as brasileiras foram superadas pelas norte-americanas Ivy e Fendrick por 2 sets a 0 (21/19 e 21/18).

Na chave principal, o Brasil será representado por Juliana/Larissa, Talita/Maria Elisa e Maria Clara/Carolina. Trinta e duas parcerias serão divididas em oito chaves. As três melhores duplas se classificarão para a segunda fase, quando os jogos serão eliminatórios. A final do campeonato feminino está prevista para ocorrer no próximo sábado.