O nadador Thiago Pereira não vai participar da Travessia dos Fortes, prova em má aberto, que será realizado no próximo domingo (4), no Rio de Janeiro. Na sexta-feira, ele tropeçou quando saía do treinamento, em Belo Horizonte, e, ao tentar se proteger, trincou um osso próximo ao pulso da mão esquerda.

 

Com a mão engessada, o atleta lamentou ficar de fora da prova na praia de Copacabana, que seria a sua primeira competição fora das piscinas. Na próxima semana, Thiago Pereira passará por uma nova ressonância magnética.

“Eu estava empolgado para disputar pela primeira vez uma prova em mar aberto. Mas estou com a mão imobilizada e não dá para nadar assim”, disse. Segundo os médicos, o nadador começa a preparação para o Troféu Maria Lenk, que acontece entre os dias 5 a 10 de maio, também no Rio de Janeiro.