Depois de um ano e três meses parado por uma grave lesão, o atacante Zé Love voltou a marcar ajudando na virada do Coritiba por dois a um sobre o Operário.

A vitória na noite chuvosa desta quinta-feira (27), no Couto Pereira, assegurou ainda o Coxa na primeira colocação do campeonato paranaense com 17 pontos somados. Tambpem manteve o time de Ponta Grossa na zona de perigo ainda  com os mesmos 11 pontos na tabela.

Dificuldades

Num campo pesado por conta da chuva que caiu durante todo o jogo, o Coritiba enfrentou tremendas dificuldades para superar o Operário, sobretudo no primeiro tempo, quando o “fantasma” emplacou bem a marcação e o contra-ataque.

O Coritiba não conseguia encaixar o estilo de jogo, enquanto o Operário parecia determinado em busca dos contra-ataques com muita velocidade. Em um lance aos 25 minutos, o Operário surpreendeu o Coxa. Sandro pegou rebote impedido na pequena área de Vanderlei e não perdoou depois de jogada rápida pela direita. Uma a zero para o Operário e o Coritiba parecia cada vez mais perdido em campo até o término da primeira etapa.

Pressão

O segundo tempo, entretanto, apresentou outro enredo. O Coritiba começou a pressionar o Operário, encaixou a marcação, o  meio campo e a lateral com algumas importantes substituições.  Dudu entrou no lugar de Germano aos 16 minutos e Vitor Ferraz na posição de Moacir aos 24 minutos.

O Operário resistiu a pressão até os 33 minutos do segundo tempo quando Zé Love recebeu cruzamento preciso de Carlinhos do lado esquerdo. Com muito estilo, o atacante do Coxa cabeceou no canto direito no chão sem defesa para o goleiro Marcelo. O gol de Zé Love marca o retorno do atleta depois de um ano e três meses afastado dos gramados devido a uma grave lesão;

Virada

A pressão do Coritiba seguiu com várias chances em cruzamentos e faltas até os 40 minutos do segundo tempo, quando Júlio César “fuzilou” de perna esquerda para o gol após receber passe de Keirrison na pequena área do Operário.

Depois do gol do Coritiba, o time de Ponta Grossa ainda teve uma boa chance no final do jogo, em cobrança de falta perto da área, no lado direito, mas sem aproveitar a oportunidade.

Veja na galeria de fotos o jogo do Coxa.