Com três derrotas consecutivas – para Palmeiras, Chapecoense e Flamengo – e com sete desfalques ao todo, o Santos treinou nesta sexta-feira no Rio de Janeiro e já viajou para Belo Horizonte, onde enfrenta neste domingo, às 17 horas, o América-MG, no estádio Independência, pela 35.ª rodada do Campeonato Brasileiro.

O técnico Cuca vai ter pouco tempo para formar a equipe, que não poderá contar com o uruguaio Carlos Sánchez, o paraguaio Derlis González e o costarriquenho Bryan Ruiz, convocados para suas respectivas seleções nacionais. Os zagueiros Lucas Veríssimo e Luiz Felipe e Felippe Cardoso estão machucados, enquanto que Yuri, está suspenso. O lateral-esquerdo Dodô, com uma lesão no joelho, é dúvida.

Cuca só terá uma atividade, na manhã deste sábado, na Toca da Raposa II, o centro de treinamentos do Cruzeiro, para definir a equipe que vai entrar em campo. Um time provável para jogar no estádio Independência é: Vanderlei; Victor Ferraz, Kaique Rocha (Renato), Gustavo Henrique e Jean Mota (Dodô); Alison, Diego Pituca e Arthur Gomes (Renato); Rodrygo, Gabriel e Bruno Henrique.

O time de Vila Belmiro é o nono colocado com 46 pontos, quatro a menos que o Atlético-MG, último clube da zona de classificação para a próxima edição da Copa Libertadores.