O Tribunal de Justiça Desportiva da FPF decidiu na noite de quinta-feira tirar três pontos da equipe do Dois Vizinhos e assim alterou toda a direção da disputa da segunda vaga do Campeonato Paranaense da série Ouro de 2004. O clube da cidade de Dagoberto foi punido por utilizar o jogador Fábio Lima Pinto sem o devido registro na Federação Paranaense de Futebol, na partida contra a Adap, pela série A-1.

O time de Campo Mourão, através do advogado Luis Antonio Teixeira, teve ganho de causa e recebeu os três pontos. A Adap também ingressou com processo contra o Nacional, de Rolândia, por utilizar José Hernande Cordeiro, o zagueiro Hernandes, de forma irregular. No entanto, o entendimento do tribunal foi outro, absolvendo o líder do campeonato.

Ontem, Luis Antonio Teixeira entraria com recurso contra esta decisão, pedindo que os troféus não sejam entregues ao Nacional na rodada do final de semana.

A decisão muda completamente a classificação do campeonato, que terá a última rodada amanhã. O Nacional permanece líder com 14 pontos e já está na série Ouro do ano que vem, enquanto Marechal e Adap dividem a segunda posição com 10 pontos. O Cianorte é o quarto colocado, com 9 pontos, seguido pelo Dois Vizinhos, que passou a ter apenas 7 pontos.

Cianorte x Dois Vizinhos e Nacional x Adap disputam a última rodada e uma vaga. Até o Marechal, que folga, passou a ter chances de se classificar para a primeira divisão.