O clima realmente ferveu no Parque Antártica. Após a derrota para o Atlético-PR por 2 a 0, o técnico Caio Júnior se reuniu com a diretoria do Palmeiras, que, por enquanto, garante sua permanência no cargo. A tolerância vai até o clássico contra o Corinthians, sábado.

Nos vestiários, chegou-se até a comentar que Caio Júnior, sentindo-se impotente depois de mais uma derrota no Parque, pedira demissão. Mas ele negou a informação.