Em treinamento na Itália, visando as provas do Circuito Mundial, o triatleta brasileiro Juraci Moreira (Club Social/Banco BVA/EC Pinheiros) teve um revés nesta terça-feira, na cidade de Como, que atrapalhou muito a próxima disputa nos Estados Unidos, neste sábado. O competidor teve o seu carro arrombado e todos os seus documentos e de sua esposa, Isabella, foram furtados, inclusive o passaporte.

No sábado, ele competiria no San Francisco ITU Triathlon Pan American Cup, mas sem o visto americano, terá de voltar para casa, atrapalhando toda a sua programação.

“Fizemos o boletim de ocorrência, mas não conseguirei resolver a questão de visto e tenho de voltar para o Brasil”, afirmou. “Iria competir em San Francisco atrás dos pontos para o ranking mundial, com passagem marcada para esta quarta-feira. Agora, sem documentos, fica impossível”, lamentou.