O Clássico Primavera, corrido na noite de quinta-feira, marcou categórica vitória de Annister, uma filha de Mane Minister e Suranee, de criação do Haras J.B.Barros, que defendeu as cores do Haras Preto & Ouro, apresentada em boa forma por A.L.Cintra, treinador do turfe paulista. Tabira, que correu na ponta, seguida de perto por Annister, chegou a dar impressão de vitória, mas no final foi suplantada pelas favoritas. Annister dominou a corrida nos 150 finais, com Jodie melhorando para terceiro. Tabira atrasou-se para terceiro, mas com bom desempenho.

O Prêmio Edmir Silveira D’Avila, outra atração da noite, marcou a vitória do favorito Manhattan. Houve reclamação, mas a vitória do defensor do Haras do Verde Vale foi confirmada. Correu para dentro no final, com prejuízo para Xale Negro, mas entendeu a Comissão de Turfe, que o desvio de linha não influiu no resultado da vitória, do pilotado de A.M.Ribeiro.

Outras provas

Roberto Capucci, do Stud Lú e Léo, ganhou a prova de abertura. Depois de dura luta dominou Soberana Fighter, com o favorito El Toulon perto na terceira colocação.

Faraway From Home, de criação e propriedade de Carlos Alberto Machline, ganhou o segundo páreo, dominando a ligeira Kabbala nos metros finais. O favorito Laçasso, com manhas, chegou a seguir.

Grand Ligeiro, de R. Weigert e Rene Vicentine Junior, venceu a terceira prova, depois de dura luta com Obscure Token. Princess Vanessa chegou terceiro, enquanto a favorita Hamburg Ópera foi retirada durante os trabalhos de alinhamento.

Joana Collony, do Stud PV, confirmou seu grande favoritismo na quarta prova, mas depois de dura luta com Baker Street. Six Question chegou perto dos dois primeiros.

Baby Gleamy conseguiu mais uma vitória, depois de dura luta com Rei Birro, que formou a dupla do Haras Áustria. Grand Atlético terminou na terceira colocação.

O grande favorito Old Saybrook, confirmou na prova final. O defensor do Stud Florentia venceu de ponta a ponta, sem ser ameaçado por King Dover, que obteve bom segundo, com Kid Mountain atrasando-se para terceiro.


Confirmada a reunião do dia 26 no Tarumã


A diretoria do Jockey Club chegou a anunciar que não teríamos corridas nas próximas três semanas, para reforma da pista, mas atendendo as ponderações de treinadores e outros setores, o presidente Eraldo Palmerini, na noite de ontem, resolveu que a reunião do dia 26 será normal e, apenas no dia 3, primeira quinta-feira de outubro, não teremos reunião no Tarumã, para intensificar os trabalhos de benfeitorias nas pistas.

Uma boa solução, pois três semanas sem a raia externa para trabalhos prejudicaria seriamente o preparo dos animais, com prejuízos para as futuras reuniões.

Segundo nota da diretoria serão realizadas serviços nas raias: Remoção da areia das variantes; retirada das cercas das variantes; revisão geral da drenagem das raias; limpeza das galerias pluviais; revisão geral das cercas e fechamento das variantes; eliminação das pedras; revisão elétrica; nivelamento das raiai, serviços de melhoria na reta de chegada; substituição de placas de sinalização, e reparos na torre de transmissão.