Foto: Ciciro Back

Ney Franco quer time agressivo, com postura de vencedor.

Apesar da tranqüilidade aparente no CT do Caju, o técnico Ney Franco não abriu mão de adotar certas estratégias pré-clássico. O treino de ontem foi secreto, com a mídia podendo acompanhar somente o aquecimento dos atletas.

A intenção, é claro: evitar que o adversário obtenha qualquer informação sobre a escalação rubro-negra antes do confronto final. E pelas declarações da comissão técnica e jogadores, a torcida pode esperar um Atlético extremamente agressivo, com postura de vencedor. E caso a pressão exercida no caldeirão dê certo, a intenção é fazer o resultado que interessa ao clube ainda no primeiro tempo. Hoje pela manhã, o treinador comanda o treino tático derradeiro, visando os ajustes finais para o confronto.

Paraná-Online: Como está o espírito para o jogo, faltando pouco tempo para a finalíssima?

Ney Franco: Nossos jogadores estão bem equilibrados emocionalmente porque se sentem prontos para a decisão. Eu estou com a consciência tranqüila pois o trabalho está sendo bem desenvolvido. O primeiro jogo foi muito igual. O detalhe é que a bola do Coritiba entrou e a nossa não. A expectativa é de jogar bem e ter mais sorte na finalização. Trabalhamos com muita seriedade para conquistar o título do Campeonato Paranaense e temos o último jogo para isso.

Paraná-Online: Netinho na ala e Rogerinho no ataque. Eles corresponderam nos treinamentos?

Ney Franco: Treinaram bem. O Netinho é um jogador que faz bem o lado esquerdo e tem qualidade para jogar de meia, ala e segundo atacante. O Rogerinho teve uma semana muito boa, assim como Pedro Oldoni. Vamos entrar com uma equipe muito forte para esse jogo.

Paraná-Online: Pênaltis foram treinados também?

Ney Franco: O regulamento da competição mostra a possibilidade de haver a decisão por pênaltis. Então treinamos. Já definimos os jogadores que tiveram melhor desempenho. Não treinamos pênaltis só hoje. Desde a semifinal nossa equipe começou a treinar.