Tribuna Estadual de Juniores, ontem, Atlético e Iraty se credenciaram para disputar o título da competição, já que ambos venceram no jogo de ida pelo mesmo placar, 3×0, contra União e Londrina, respectivamente, na sexta-feira passada.

Apesar do bom toque de bola, o União não agüentou o melhor futebol rubro-negro e caiu novamente, agora por 2×1. Os gols do Atlético foram de bela feitura, enquanto que o do União, veio através de um pênalti polêmico em jogada muito bem cavada por Fernando.

1×0. Aos 14′, depois que a zaga atleticana segurou bem o ímpeto inicial do União, André foi ao ataque e recebeu falta de Éverton na direita. Wellington foi para a cobrança e bateu com muita competência no ângulo direito de Victor, fazendo um belo gol. A bola foi por cobertura, parecido com o gol de Ronaldinho Gaúcho contra a Inglaterra.

O União perdeu chances de marcar com Vanderlei e Dênis, aos 29′ em lances na cara do goleiro Thiago Santos, que defenderia sua meta novamente se arrojando nos pés de Vanderlei aos 35′, depois de ótimo lançamento de Éverton. A rigor essas foram as melhores chances de gol na etapa inicial.

1×1. No segundo tempo, depois de Vanderlei perder o empate a 1’30, e Alan Bahia, o melhor cabeça-de-área da competição, perder debaixo da meta bandeirantina, aos 9′, Fernando entrou na área atleticana driblando. Bruno foi na disputa com ele. Fernando tirou de lado e caiu. Magno, próximo ao lance marcou falta máxima que Edson bateu bem e empatou sem defesa para Thiago Santos aos 15 minutos.

O jogo era bom e aberto. Várias chances foram perdidas dos dois lados, como aos 28′ com André, sozinho, dentro da pequena área de Victor. O goleirão que também serviu a seleção paranaense no último sub-19, fez boa defesa aos 29′.

2×1. Fabinho, o melhor em campo junto com Edson Grilo e Alan Bahia, brindou o público presente no Ismael Gabardo, apesar do intenso frio, com um golaço. Ele driblou dois zagueiros em empaço mínimo na pequena área e na saída de Victor deu um “tapa” com categoria no canto direito do goleiro.

Grande arbitragem de Carlos Magno, apesar do lance polêmico. Também receberam aplausos os assistentes Rogério Rolim e Altemar Domingues.

Iraty 1×1 Londrina

O Azulão se garantiu para a fase final ao empatar em 1×1 no Fioravante Slaviero com o Tubarão. O Londrina vencia a partida com gol de Anderson aos 32 do primeiro tempo numa bola chutada da esquerda, com efeito, sem chance para Pablo. O zagueiro Mohab empatou, de cabeça, aos 44’20 do tempo final, num cruzamento em que Marcelo fez o corta-luz.

Iraty: Pablo; Mohab, Leonardo, Leandro e João Paulo; Russo, Anderson (Lucas), Marcelo e Luciano (Joel); Eduardo Rato e Toni (Guilherme). Téc.: Gilberto Pereira. Londrina: Rafael; Paulinho, Márcio Lima, Referson e Anderson; Paulo Henrique, Luciano, Danilo (Leandro e Juliano; Biro e Rodolfo (Éverton).

Finais

O diretor das categorias de base da FPF, se reúne com os dirigentes de Atlético e União, hoje para detalhar as duas partidas finais. Nivaldo garantiu que esta fase será na capital, podendo os jogos acontecer, em comum acordo, na quinta e sábado próximos, às 15h. O Atlético manda seu jogo no Caju, enquanto o Iraty deve escolher o Estádio Municipal do Xingu, em São José dos Pinhais. As definições exatas acontecem nas próximas horas.

Haverá sorteio na FPF para ver quem terá o mando na segunda partida e o campeão será conhecido pelos seguintes critérios: a) pontos ganhos nas duas partidas da fase final; b) saldo de gols das duas partidas; c) caso ocorra empate nos dois itens haverá prorrogação com gol de ouro e persistindo o empate, cobrança de penalidades máximas até conhecer-se o campeão.

Estadual Juvenil

Resultados do Campeonato Estadual Juvenil: Atlético 2×2 União, PSTC 2×2 Paraná e Londrina 2×2 Malutrom. Coritiba e Grêmio cancelaram seu jogo.

Esses resultados deram a vaga ao PSTC, que agora decide o título máximo na categoria com o União, em duas partidas.

Ficha Técnica:


Semifinal – jogo de volta
Local: Estádio Ismael Gabardo (Vila Fanny)
Árbitro: Carlos Jack Rodrigues Magno
Assistentes: Rogério Rolim e Altemar Domingues
Cartões amarelos: Caymmi (Uni) e André e Bruno (CAP).
Gols: Wellington, aos 14′ do 1.º tempo. Edson, aos 15′ (Uni) e Fabinho, aos 45′ finais (CAP).

UNIÃO: Victor, Buiú (Edemar), Edson, Ricardo (c), Schmitt, Roberto, Vanderlei (Caymmi), Dênis, Fernando, Pitbull, Éverton (Luisinho), Téc.: Wilson Frutani

ATLÉTICO: Thiago Santos, André, Bruno, Rodrigão (c), Jean, Alan Bahia, Wellington, Edson Grilo, Jadson, (Thiago), Lucas (Eudi), Fabinho, Téc.: Nelson Cândido “Bugrão”