Vaiado pela torcida palmeirense durante o empate por 1 a 1 com o Mirassol, neste sábado, no Palestra Itália, pelo Paulistão, o técnico Antônio Carlos afirmou estar tranquilo no cargo e pediu tempo e reforços para poder reerguer o Palmeiras.

“Estamos tranquilos no que estamos fazendo”, afirmou. “É com o tempo e qualificando o elenco que vamos dar um jeito no Palmeiras”, declarou. “Temos de ter tempo para treinar. Hoje (sábado) colocamos em campo uma equipe diferente.”

O treinador, que foi chamado de burro pelos torcedores, também garante ter encarado com naturalidade as vaias que recebeu. “As críticas fazem parte do trabalho de qualquer profissional e infelizmente elas vão aparecer por tudo o que aconteceu até agora.”

Antônio Carlos também justificou a entrada do volante Anselmo no lugar do lesionado meia Cleiton Xavier, em substituição que foi bastante criticada pelos torcedores.

“Todas as alterações feitas estavam programadas, o Anselmo está mais acostumado a jogar naquela posição”, disse.