O técnico Valdir Espinosa, da Portuguesa, não poupou o árbitro Evandro Rogério Roman após o empate por 2 a 2 com o Flamengo, na noite de quarta-feira (23), no Canindé. Em sua estréia no comando da equipe paulista, o treinador viu o adversário usar as mãos nas jogadas dos dois gols e ironizou a situação.

“Eu tenho certeza de que o Bernardinho [técnico da seleção brasileira de vôlei], hoje, teria sido um melhor técnico da Lusa do que eu, pois eu esqueci de treinar o bloqueio da equipe e acabamos tomando dois gols de mão”, disse.

No primeiro gol flamenguista, Ronaldo Angelim desviou com o braço para abrir o placar. Depois, Ibson aproveitou rebote de Sérgio, após uma bola tocada com a mão por Diego Tardelli, e fez o segundo.

A Portuguesa está com 16 pontos, e ocupa a 15ª posição no campeonato. O time volta a campo no domingo (27), às 18h10, contra o São Paulo, no Morumbi.