O time do Vasco obteve nesta sexta-feira um incentivo a mais para o clássico de domingo, contra o Flamengo, em Brasília. O dinheiro pela venda de Danilo – R$ 8 milhões – chegou ao clube e vários salários atrasados de funcionários e atletas foram colocados em dia. O jovem volante Danilo, de 17 anos, foi negociado para um grupo português em setembro, por cerca de R$ 13,5 milhões. O Vasco tinha direito a 60% desse valor.

Por causa do dinheiro, o dia em São Januário foi muito movimentado, com dirigentes e procuradores de atletas em reuniões a todo instante. O Vasco também acertou dívida com a Receita, o que o impedia de obter certidões negativas de débito e receber da Caixa Econômica Federal, patrocinador do clube, cerca de R$ 15 milhões.

Para enfrentar o Flamengo, o técnico Dorival Júnior não vai contar com Dakson, que sofreu lesão muscular na coxa direita. Ele dever ser substituído por André, que entrou no decorrer do jogo com o Internacional, na quinta-feira, e foi um dos responsáveis pela vitória do Vasco por 3 a 1.