Duas das principais favoritas ao título do Torneio de Wimbledon, a norte-americana Venus Williams e a belga Kim Clijsters asseguraram vaga nesta segunda-feira nas quartas de final do tradicional Grand Slam disputado em quadras de grama.

A primeira delas avançou à próxima fase em Londres ao vencer a australiana Jarmila Groth por 2 sets a 0, com parciais de 6/4 e 7/6 (7/5). Com isso, a cabeça de chave número 2 do Grand Slam terá pela frente nas quartas de final a búlgara Tsvetana Pironkova, que nesta segunda bateu a francesa Marion Bartoli por duplo 6/4.

Para triunfar nesta segunda, Venus aproveitou as três oportunidades que teve para quebrar o saque de Groth no confronto, enquanto a australiana venceu no serviço da norte-americana em duas das três chances que conseguiu. E os números provaram que a partida entre elas foi equilibrada, já que a tenista número 2 do mundo obteve 26 winners, contra 25 da rival, que lamentou 16 erros não-forçados, diante dos 15 da tenista dos Estados Unidos.

Já Kim Clijsters, oitava cabeça de chave, precisou superar a sua compatriota Justine Henin em um clássico entre duas ex-líderes do ranking mundial. Ela venceu por 2 sets a 1, de virada, com parciais de 2/6, 6/2 e 6/3. Com isso, a tenista da Bélgica jogará por uma vaga na semifinal contra a russa Vera Zvonareva, que foi às quartas de final nesta segunda ao contar com a desistência da sérvia Jelena Jankovic.

Na partida entre as belgas, Clijsters saiu vencedora mesmo abusando dos erros não forçados – foram 23, contra apenas dez de Henin – e cometendo seis duplas faltas. Para compensar essa deficiência no saque, com o qual fez apenas um ace, contra cinco da rival, ela mostrou força no fundo de quadra com 22 winners e quebrou três vezes o serviço da sua compatriota, que ganhou apenas dois games quando Clijsters sacou. As duas tenistas tiveram apenas 60% de aproveitamento no saque e, curiosamente, Henin foi melhor do que a rival usando o seu primeiro serviço, mas o fato não foi suficiente para evitar a derrota.

Em outro duelo já encerrado nesta segunda-feira, a dinamarquesa Caroline Wozniacki, terceira cabeça de chave de Wimbledon, deu vexame diante da checa Petra Kvitova, que arrasou a adversária com parciais de 6/2 e 6/0. Com a surpreendente fácil vitória, ela terá pela frente nas quartas de final a ganhadora do confronto entre a checa Klara Zakopalova e a estoniana Kaia Kanepi, que também será encerrado nesta segunda-feira.