O piloto alemão da Red Bull Racing, Sebastian Vettel, reconheceu nesta terça-feira que gostaria de correr pela Ferrari no futuro, e ressaltou que tentou ajudar a escuderia italiana a conquistar o Mundial de Pilotos no ano passado.

Ao ser questionado sobre uma possível transferência à equipe de Maranello, Vettel foi claro: “espero que sim, um dia”. O piloto revelou suas pretensões durante um encontro com jornalistas e estudantes na Universidade Politécnica de Milão.

Na ocasião, estava presente também o diretor técnico da Red Bull Racing, Geoffrey Willis. Vettel, contudo, ressaltou que não está insatisfeito com sua equipe. “Estou contente onde estou e há muito que fazer ainda”, esclareceu.

O piloto alemão lembrou ainda que no último GP, em Interlagos, tentou ajudar a Ferrari a conquistar o Mundial de Pilotos com Felipe Massa. “No Brasil, tentei fazer o meu melhor para ajudar a Ferrari. Não sabia em que posição eu estava, mas na última volta ultrapassei (Lewis) Hamilton e (Timo) Glock”, revelou Vettel.

Apesar da ajuda, Massa não ficou com o título da temporada, já que Hamilton passou Glock na última curva e se sagrou campeão da temporada.