Mesmo com dez jogadores, o Vitória triunfou sobre o ASA, de virada, por 2 a 1, na tarde deste sábado, no Estádio Coaracy da Mata Fonseca, em Arapiraca (AL), mas ficou sem o acesso por causa da vitória do Sport, por 1 a 0, sobre o Vila Nova, pela última rodada da Série B do Campeonato Brasileiro.

Jorginho (contra) e Neto Baiano garantiram a vitória ao time baiano que ficou na quinta colocação, com 60 pontos. Enquanto isso, o ASA, apesar da derrota, conseguiu escapar do rebaixamento por causa da vitória da Portuguesa sobre o Icasa. O time alagoano se manteve com 48 pontos, na 16.ª posição.

Precisando do resultado para escapar do rebaixamento, o ASA começou com tudo. Logo aos 2 minutos, Leandro aproveitou escanteio batido e marcou de cabeça. O Vitória se assustou com a pressão e demorou para reagir. O jogo ficou aberto e os dois clubes criaram oportunidades, mas a primeira etapa terminou com vitória alagoana.

O Vitória voltou ofensivo para a segunda etapa e conseguiu empatar aos 12 minutos. Marcelo, que entrara no segundo tempo, chutou forte, a bola bateu na trave e voltou em Jorginho, que marcou contra. Rildo ainda meteu uma bola na trave. Mas, aos 31 minutos, Neto Baiano marcou e garantiu o triunfo do Vitória, que pouco adiantou.

FICHA TÉCNICA:

ASA 1 x 2 Vitória

ASA – Gilson; Sergio Bueno, Toninho, Di Fabio e Chiquinho Baiano; Leandro, Cal, Jorginho e Raul (Marielson); Francismar (Vidinha) e Alexsandro (Reinaldo Alagoano). Técnico – Vica.

Vitória – Douglas; Nino Paraíba, Gabriel, Jean e Fernandinho; Charles Vagner, Preto, Gilberto (Lúcio Flávio) e Geovanni (Marcelo); Rildo e Fábio Santos (Neto Baiano). Técnico – Vagner Benazzi.

Gols – Leandro, aos 2 minutos do primeiro tempo. Jorginho, contra, aos 12 e Neto Baiano, aos 31 minutos do segundo tempo.

Árbitro – Péricles Bassols Cortez (Fifa-RJ).

Cartões amarelos – Di Fábio, Raul, Tuti, Jorginho, Nino Paraíba, Jean, Maurício.

Cartão vermelho – Charles Vágner.

Renda e público – Não disponíveis.

Local – Estádio Coaracy da Mata Fonseca, em Arapiraca (AL)