A quinta etapa do World Championship Tour (WCT), a elite do surfe mundial, começou com ondas perfeitas de mais de dois metros de altura em uma locação secreta no México. Nove brasileiros entraram na água e, após oito derrotas seguidas, apenas o paulista Adriano de Souza salvou a pátria, vencendo a última bateria da primeira fase.

Com notas 8,67 e 7,93 – esta arrancada em sua última onda, no minuto final – Adriano derrotou o sul-africano Travis Logie e o australiano Daniel Wills. Apesar de ser derrotado, o carioca Yuri Sodré foi um dos destaques do dia, recebendo a primeira nota 10 do evento – logo depois o heptacampeão mundial Kelly Slater também arrancou um 10.

Além de Yuri, Peterson Rosa, Paulo Moura, Pedro Henrique, Raoni Monteiro, Victor Ribas, Marcelo Nunes e Jihad Khodr, que compete substituindo um surfista lesionado, perderam e vão precisar disputar a repescagem.